Como fazer uma brassagem com mais segurança

Atualizado: 29 de Mai de 2019

O dia de brassagem costuma ser uma divertida reunião entre amigos, mas não deixa de ser "o dia do vamos ver", quando se coloca em execução a preparação daquela cerveja especial tão aguardada. Com dezenas de detalhes diferentes para cuidar no dia, às vezes pode passar desapercebido um aspecto essencial: a segurança dos cervejeiros ao redor da panela. Apesar de raro, um descuido pode transformar um dia divertido em uma visita ao hospital.


Inspirado em um excelente artigo publicado recentemente na BYO, segue uma lista não exaustiva dos principais pontos a serem levados em consideração:


1) Evite posicionar seus equipamentos de forma a ter que subir em escada ou cadeira para operá-los. Ter que subir em uma escada para levantar um cesto com 20Kg de grãos encharcados pode não ser uma boa idéia.

2) Use calçados fechados e calças compridas. Mosto fervendo transbordando pela panela e caindo nas pernas e pés pode causar sérias queimaduras.

3) Só use fogão a gás em local ventilado. O monóxido de carbono acumulado em um local fechado pode causar acidentes.

4) Mantenha o chão sempre limpo e seco. É muito comum o chão molhar no dia da brassagem, e ninguém quer levar um escorregão, principalmente se estiver com um copo na mão.

5) Planeje seu dia de brassagem. Algumas vezes decide-se brassar de um dia para outro, mas a falta de planejamento pode gerar um corre-corre no dia que acaba distraindo o cervejeiro.

6) Use a válvula de pressão antes de abrir seu barril. Nunca deve-se abrir um barril pressurizado sem o devido alívio de pressão, sob risco de alguma peça ser arremessada a alta velocidade e causar um sério acidente.

7) Prenda bem as mangueiras por onde passará líquido quente. Ninguém quer ser surpreendido por uma mangueira solta jorrando mosto ou água fervendo.

8) Use luvas para lidar com equipamentos quentes. Principalmente com as panelas e o trocador de calor.

9) Use luvas e óculos de proteção se for usar produtos de limpeza, mesmo os que parecem "inocentes" como iodofor/biofor podem irritar a pele, e se respingarem nos olhos podem causar danos.

10) Ao montar os equipamentos, cuidado extra com os cabos/fios elétricos. Lembre-se que não devem ficar diretamente expostos em áreas sujeitas a serem molhadas. Você pode queimar um equipamento, ou pior: tomar um choque.

11) Tente usar máscara com malha fina ao moer grãos. Ou pelo menos amarre um pano no rosto se não tiver uma máscara à disposição. O objetivo é evitar a sobrecarga nos seus pulmões.

12) Cuidado com mosto transbordando. Nunca tire o olho de sua panela de brassagem. É importante reduzir imediatamente a temperatura assim que perceber que o mosto está por transbordar. Basta 1 minuto desatento molhar sua mesa, o chão e colocar em risco equipamentos elétricos próximos.


Ítem extra) Cuidado com o priming em garrafa de vidro. Esse é um cuidado não necessariamente para o dia da brassagem, mas a falta de atenção na adição de açúcar (ou outro fermentável) na preparação de priming é a principal causa de explosões, transformando a garrafa em uma verdadeira granada de vidro. Evite garrafas que foram reutilizadas múltiplas vezes pois podem estar fragilizadas. Calcule com cuidado quanto de açúcar irá adicionar, lembrando que se a recomendação é, por exemplo, 4g/litro, você vai colocar 60% disso (2,4g) em uma garrafa de 600ml. Parece uma conta simples, mas é um dos erros mais frequentes para cervejeiros iniciantes. Invista em um manômetro para acompanhar a pressão em uma das garrafas e evitar surpresas.




0 visualização